Ensinar história: práticas culturais e políticas nos tempos dos exames de admissão ao ginásio
Ensinar história: práticas culturais e políticas nos tempos dos exames de admissão ao ginásio
Ensinar história: práticas culturais e políticas nos tempos dos exames de admissão ao ginásio

Ensinar história: práticas culturais e políticas nos tempos dos exames de admissão ao ginásio

Regular price $13.80 Sale

No presente, pouco se fala ou se sabe a respeito da expressão 'exames de admissão ao Ginásio'. Mas gerações de brasileiros que frequentaram a escola entre 1931 e 1971 não apenas conhecem seu significado, como lhe atribuem marco expressivo em sua experiência de vida. Nesse período, todos os estudantes, com 11 anos ou mais, que desejassem ir além do Primário e se matricular no Secundário eram obrigados a fazer exames de admissão. Essa seleção constituía-se de provas escritas e orais de Português, Matemática, Geografia e História do Brasil. São muitas as histórias contadas por estudantes e docentes desse tempo que informam a força das lembranças sobre essa política educacional. Não é mesmo pouca coisa, ao se considerar que durante 40 anos sua existência afetou famílias, escolas e editoras de livros de diferentes maneiras. Este livro aborda os exames de admissão por meio de práticas culturais e políticas que lhes deram condições de existência, ao mesmo tempo que mediaram e produziram efeitos variados na escolarização de sujeitos e saberes. O eixo da narrativa é a preocupação com a História do Brasil como disciplina escolar e os livros didáticos preparatórios usados nesse contexto.